predio justica

 

Imagine uma situação fictícia na qual você trabalha duro para juntar dinheiro, economiza até o último centavo e, depois de anos de sacrifício, consegue realizar o sonho da casa própria. Aí a vida começa a ser desfrutada mas, num dia qualquer, cinco anos depois de ter adquirido seu imóvel, um oficial de justiça bate à sua porta. Você não sabia mas a pessoa que te vendeu o imóvel estava com processos em andamento e, para não pagar as dívidas, começou a vender todo o seu patrimônio e a justiça, percebendo isso, anula todos os negócios de compra e venda realizados. Isso significa que seu imóvel não é mais seu e a chance de você recuperar os valores investidos é pequena.

 

Para evitar este tipo de situação é importante tirar algumas certidões negativas. Essas certidões são documentos que comprovam que o proprietário não possui o nome sujo ou algum processo em andamento contra ele. As principais certidões negativas são:

  • Ações trabalhistas
  • Justiça federal
  • Ações cíveis 
  • Ações da fazenda estadual
  • Ações da fazenda municipal
  • Ações em família
  • Cartório de protestos
  • Dívida ativa da união ou imposto de renda

 

Lembrem-se que a compra de um imóvel envolve valores elevados e que não é aconselhável realizar qualquer trâmite sem o apoio de um corretor de imóveis. Esse profissional é capacitado para proporcionar um negócio seguro e evitar futuras dores de cabeça.

 

 

 

 

Fonte: 

https://www.konkero.com.br/financiamento/casa-propria/8-certidoes-negativas-de-imovel-que-voce-precisa-tirar

http://exame.abril.com.br/seu-dinheiro/os-documentos-que-voce-deve-analisar-para-comprar-um-imovel/